Notícias SINDAEMA

01 de fevereiro de 2018 às 15h53

Demissão em comum acordo

Com a CLT em vigência, as demissões por justa causa ou por pedido do próprio trabalhador não permitiam a retirada do valor do FGTS. Já nas demissões por aviso prévio, a empresa poderia alertar o trabalhador com 30 dias de antecedência ou até pagar a remuneração referente ao mês ao funcionário sem que ele precise trabalhar.

Agora isso mudou: o trabalhador poderá mover 80% do valor dos depósitos no FGTS, mas não vai poder chegar perto do Seguro-Desemprego.

#ReformaTrabalhistaÉGolpe

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O SINDAEMA


O Sindicato dos Trabalhadores em Àgua, Esgoto e Meio Ambiente do Espírito Santo completou 50 anos de história em 2013. Possui cerca de 2 mil associados – são trabalhadores da Cesan e dos Saaes, Serviços Municipais de Água e Esgoto. Sua sede está localizada no Bairro do Moscoso, em Vitória.