Notícias SINDAEMA

16 de novembro de 2017 às 16h46

Sindaema participa de Congresso Mundial de Serviços Públicos

Uma delegação de 65 brasileiros de diversos estados e ramos do Serviço Público Brasileiro  participaram do 30º Congresso Mundial   da Internacional de Serviços Público (ISP), que aconteceu do dia 30 de outubro até o dia 02 de novembro de 2017, em Genebra. Entre eles estava a nossa diretora Leila Nascimento Novais Luiz, que hoje está como secretária de juventude na Federação Nacional dos Urbanitários (FNU), entidade que permitiu sua inscrição para esse Congresso representando o Coletivo de Juventude, de Mulheres e de Raça da FNU e também o Comitê de Jovens da ISP - Brasil. Nossa Diretora foi à única mulher entre os seis jovens patrocinados pela ISP para participar desse evento e fez questão de levar a bandeira do SINDAEMA-ES, instituição que tem lhe permitido avançar nesses espaços e descobrir as diversas maneiras de lutar pelos direitos sociais e trabalhistas, principalmente nesse cenário de retirada de direitos da classe trabalhadora.

 

A Internacional de Serviços Público (ISP) é uma federação sindical global que representa 20 milhões de mulheres trabalhadoras e trabalhadores que prestam serviços públicos vitais em 150 países. Campeã em direitos humanos, a ISP defende a justiça social e promove o acesso universal a serviços públicos de qualidade. Trabalha com o sistema das Nações Unidas e em parceria com o trabalho, a sociedade civil e outras organizações. A ISP acredita que serviços públicos de qualidade são a base tanto de sociedades livres e iguais quanto de uma forte economia moderna.

 

 

O 30º Congresso da ISP, contou com a representação de todos os continentes, mais de 126 países reunidos em comemoração aos seus 110 anos, com o lema “O povo acima do lucro”. Trabalhadores e trabalhadoras do mundo inteiro na luta contra as desigualdades e por direitos humanos, construindo alternativas para combater as privatizações, termos uma economia mais justa, justiça fiscal, fortalecer nossas entidades sindicais e defender um serviço público e de qualidade.

 

 

Na oportunidade, a diretora Leila Nascimento Novais Luiz, representando a Federação Nacional dos Urbanitários (FNU), participou do Simpósio sobre a Proteção de Denunciantes no Serviço Público, realizado pela Organização Internacional do Trabalho  (OIT).  Esta reunião internacional teve por objetivo, discutir uma forma de se construir uma legislação em nível internacional para obrigar os países a combaterem a corrupção e protegerem os denunciantes.

 

 

Segundo a diretora Leila, é importante destacar que os direitos dos denunciantes, são os direitos dos trabalhadores.  “A OIT está se comprometendo em colocar essa problemática em sua agenda de 2018, e está convidando a ISP e todos os sindicatos a fazerem uma campanha internacional, para defender um serviço público de qualidade, combater a corrupção e proteger os denunciantes  de corrupção e de assédios nos seus locais de trabalho”.

 

 

A FNU e o SINDAEMA, que pela primeira vez tem uma representante numa atividade sindical tão importante como essa,  entendem que esta iniciativa é fundamental, especialmente no Brasil, onde um governo ilegítimo e corrupto está atacando direitos dos trabalhadores, e desmontando a Justiça do Trabalho. Portanto, é preciso criar novas formas de resistência e de lutas integradas com todos os trabalhadores públicos a nível global, que enfretam as mesmas problemáticas e desafios, para que juntos possamos ganhar força para pressionar e fortalecer as lutas contra as desigualdades e a precarização do Serviço Público.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O SINDAEMA


O Sindicato dos Trabalhadores em Àgua, Esgoto e Meio Ambiente do Espírito Santo completou 50 anos de história em 2013. Possui cerca de 2 mil associados – são trabalhadores da Cesan e dos Saaes, Serviços Municipais de Água e Esgoto. Sua sede está localizada no Bairro do Moscoso, em Vitória.