Home / EM DESTAQUE / Trabalhadores da Cesan rejeitam proposta da empresa

Trabalhadores da Cesan rejeitam proposta da empresa

Os trabalhadores da Cesan, reunidos em assembleia virtual realizada na tarde desta terça-feira, dia 28, rejeitaram a proposta da empresa para composição do Acordo Coletivo de Trabalho 2020/2021. A votação foi feita on-line, por intermédio da empresa Tafner, nos mesmos moldes da eleição do Conselho de Administração.
Dos 344 votantes, 231 (67,15%) rejeitaram o reajuste zero proposto pela empresa, contra 109 (31,69%). Foram registradas quatro abstenções (1,16%).
Na proposta que foi reprovada, a empresa propôs manutenção de todos os benefícios, correção pela inflação do tíquete-alimentação e assumir o reajuste do plano de saúde por um ano, a partir da assinatura do ACT.
O resultado da assembleia vai ser apresentado nesta quarta-feira, dia 29, às 14 horas, na mediação por videoconferência com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Cesan.
O Sindaema agradece a participação de todos na assembleia e esperamos avançar nas conquistas para os trabalhadores!
CONVÊNIOS